Crônica da Fereh

blogdafereh

Hoje trago uma crônica pra vocês! Depois de bastante tempo sem escrever esse gênero, eis que surge mais uma. Acho que uma das últimas que postei foi essa aqui

https://fereh.wordpress.com/2012/09/19/do-espelho-eu-via-nao-entendia/

Com que filtro eu vou?

Dizem que foi perto da praça velha que o roubo aconteceu. Parece que foram dois relógios caros, uma carteira (mas só tinha os documentos) e um celular. Só que disseram que o bandido, um guri de uns 17 anos, teve muita facilidade para agir. Roubou um atrás do outro com cara de “estou nem aí”.

Mas perto da praça velha tem um posto de polícia, quem cuida daquela rua é a Guarda Municipal. Algumas pessoas foram até lá saber por que não tinham visto polícia correndo atrás do ladrão. Falando com os dois funcionários do lugar, souberam que naquela tarde do acontecido, um deles precisou sair rapidamente pra comprar sal de frutas na farmácia. Andava com uma indigestão terrível ultimamente.

Mas e outro, e o colega? Quiseram saber. O outro estava aqui, afirmou o policial. E por que não foi pra rua? Não viu o alvoroço? Insistiram. Foi aí que a moça do cafezinho, que ouvia a conversa, se intrometeu.

– Olha, não é pra ficar de fofoca, Mas eu vi que ele tava mexendo no celular, depois eu ouvi um clique, desses de foto sabe? Eu ia logo saindo da sala, que não gosto de fuxico, mas ouvi ele dizendo:
– Esse filtro não ficou bom, vou usar um com contraste.

Fernanda Rocha

blogdafereh1

Anúncios
Esse post foi publicado em Crônica e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para Crônica da Fereh

  1. Natalia disse:

    Hahaha adorei! Não duvido que isso seja verdade! Ultimamente vivemos mais pelo celular do que por nós mesmos! Eu sou uma viciada confessa!

  2. Fereh disse:

    Não Nati..dessa vez são todos inocentes hehe!

    Ficção purinha.

    Mas que deve rolar deve. Infelizmente também sou viciadinha.

  3. Muito bom, Fereh! Primeira crônica tua que eu leio. Gostei. Parabéns!

  4. Fereh disse:

    Obrigada Angélica! Tenho algumas outras. Vou procurar pra te enviar!
    Valeu a leitura. Bjo!

  5. Sempre atualizadíssima você! Parabéns!

  6. Rafael disse:

    Fantástico! Muito bom! Inclusive hj tem uma notinha em um blog que fala sobre isso. Veja http://miltonbarao.com.br/?p=38763

  7. vóva disse:

    Fereh, muito bem bolada essa crônica. Assim o leitor, quero dizer, cada leitor faz a sua interpretação. Aí fica interessante.As vezes ninguém se aproxima do que a autora estava criando. Muito bem. A minha opinião era a de que os guardas estavam ocupados demais com azia e outros detalhes. Somente a funcionária do cafézinho é que estava realmente esperta..Gostei. Sua vó Silda Carbonera

  8. Livia disse:

    hahhaha adorei!

  9. Inês mamis disse:

    Então…ainda bem q só stou 60% viciada n meu rsssss! Como não curto internet pelo aparelho, ainda to fora do vício! Mas acho q o mundo anda deslumbrado com a tecnologia, as vezes me dá medo…por isso a crônica nem pode mais ser ficção! Eu gostei!

  10. graziella disse:

    Não sei dizer o que achei mais incrível, a crônica ou a tua avó comentando no blog! hahahahaha
    Adorei, Fereh! Ri e compartilhei com as pessoas que estão aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s