De sonhos íntimos: O vendedor de morangos

morangos

De sonhos íntimos:
O vendedor de morangos

Francisco vendia morangos. E vendia em maior quantidade nos dias de chuva. O maior sonho de Francisco, ou melhor, os dois maiores sonhos de Francisco eram: conhecer o mar e que lhe fossem servido morangos.

Francisco não sonhava em apenas comer apetitosos morangos, como os que vendia. Sua vontade era ser servido. Numa linda e refinada taça e se possível, com marshmallow sobre os morangos.

No entanto, o que realmente fazia o coração de Francisco acelerar, a respiração alterar, era o primeiro sonho. É claro que ele já tinha visto o mar pela televisão, pela revista da banca. Mas nunca chegou perto, nem pisou na areia.

A cidade onde morava não tinha mar. E se quisesse conhecer o litoral, teria que percorrer 700 quilômetros até a cidade mais próxima. Mas Francisco não poderia fazer essa viagem, não teria dinheiro pra isso. Aliás, não tinha dinheiro nem para o aluguel desse mês.

Ele era pobre. E não necessariamente se incomodava muito com isso. Nunca tinha visto outra vida, nem outro tipo de dinheiro. Revoltava-se apenas quando lembrava do sonho de conhecer o mar e tudo o que lhe impedia de realizá-lo. Aí sentia uma tristeza bem grande.

Era quando em mais um dia de chuva vendendo os morangos aos motoristas parados no semáforo, lembrava de seus sonhos, lembrava do mar. E seus olhos se enchiam de lágrimas que o molhavam como a chuva, que lhe salgavam a pele como o mar.

Fêre Rocha

man_front_to_the_sea_by_faellou-d4jrznb

Anúncios
Esse post foi publicado em Conto, Crônica, Poet, Poetry e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

9 respostas para De sonhos íntimos: O vendedor de morangos

  1. Natalia disse:

    Que lindo! Triste né? Bom se todos os Franciscos pudessem morar perto do mar…um dos poucos lugares maravilhosos para se divertir, e ainda por cima de graça! ;)

  2. Vavá disse:

    Todos somos Franciscos, mas só os que realmente vão em busca deste sonho conseguem concretizá-lo.
    Conhecer lugares é o que as pessoas mais sonham e deixam de realizar.

  3. Opa ! Minha amada escritora. Não é que um desejo do Francisco eu acertei ! Ele salivava de vontade de comer os morangos. Muito, muito lindo esse escrito. Parabens!

  4. Só para relembrar; a personagem da minha crônica “Revelação”, tambem estava tentando conhecer o mar.(Ops! Nada à ver com o teu Francisco).

  5. Inês mamis disse:

    Nossa q lindo Fereh…lindo e triste. Fiquei aqui pensando em como gostaria de levar Francisco ao mar e ver a festa q ele faria!!Se possível entrar na festa com ele, rsss! Sei que esse nosso mundo esta recheado de pessoas e seus sonhos nunca realizados…e você retrata a vida como ela é; com as pinceladas de uma artista, o que torna até o triste gostoso de digerir.Parabéns!!!

  6. Jorge Peixe disse:

    Simplesmente Lindo !! Parabéns …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s