Camisa preta

chains

De algodão

a camisa tecida

algo de tão

branco em blusa

cultivam eles

made in açoites

made in feridas

made in dignidade

infeccionada

colhido das mãos

do preto

de Maranhão

da preta

de Mississippi

lavoura branca

de algodão

made in estupro

made in abuso

abuso branco das mãos

macias

tal qual o tecido do

algodão colhido

preto algodão

made in porrada

made in correntes

made in dor, in dor,

a linha que te fez

pensar ser menor

parar de sonhar,

a linha meu preto

nosso preto

quem vai de verdade

cortar?

Fêre Rocha

Anúncios
Esse post foi publicado em Poema, Poesia, Poet, Poetry e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Camisa preta

  1. Natalia disse:

    Show! 👏🏻

  2. Fortes versos…made in Brasil! Rs parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s